14 de julho de 2011

So let me hold you.

Vivi toda a minha vida envolvida com um homem imaturo. E agora que resolvi amar a vida percebi que o problema era eu, porque era tanto na vida dele que ele nunca soube lidar com isso, nunca conseguiu perceber como é que eu consegui ter tanto significado na sua vida. Não sabia lidar com o sentimento, porque sabia que comigo ia ser a sério. E nunca esteve preparado para viver algo tão intenso, com alguém! Acho até que houve uma altura em que tivemos no mesmo patamar e conseguimos alimentar este relacionamento durante meses, mas chegou um momento em que cresci e ele não conseguiu acompanhar o meu crescimento. Comecei a dar significado a tudo e esqueci-me que para os homens as coisas não têm significado nem motivo de serem.
Mas ainda tento procurar em romances uma resposta para o medo deste homem. Será assim tão complicado aceitar que amamos uma pessoa e que essa pessoa tem o nosso coração? Eu acho que não. Nós, mulheres, vivemos a nossa vida a amar, morremos amando alguém e não temos medo disso. Não é que fale por experiencia própria, porque sempre fui louca por este homem, mas à medida dos dias fui conhecendo várias mulheres em que me confiavam os seus romances. Desde o mais insignificante até ao que mais as marcou e confesso que de algumas coisas que ouvi aprendi muito.
E umas das coisas que aprendi foi que os homens são todos iguais, apenas têm caras diferentes…para que os possamos distinguir.

(inventado)

19 comentários:

Ruben Lopes disse...

Bom texto! Mas como deves calcular este assunto dá-me a volta à cabeça (:

liliana rodrigues. disse...

obrigada :)

Ruben Lopes disse...

Desde já obrigado !

Esse "mas pronto" cheira-me que algo se passa. Esse tom de desabafo deixou-me inquieto. Queres falar?

Ruben Lopes disse...

Estás no teu direito e só tenho é de respeitar. Parece que um homem pisou mesmo a linha contig.

Renata disse...

um dia destes mudo-te eu e tenho (quase) a certeza que nunca mais vais querer mudar kkk

Ana disse...

concordo tantooo com o que escreveste! *

Gabriela ♥ disse...

Obrigada querida :)

joanarocha disse...

está muuuito bem escrito *.*

Maria disse...

texto lindo , e já agora , AMEI a última frase !

tenho um selinho para ti no meu blog (:
beijinho

bruna gomes disse...

obrigada linda (:

Vanessa Santos disse...

bom texto :)

CatarinaFerreira* disse...

E o mesmo te digo a ti minha linda*
mas sim ,já estou bem boneca ;)
gmdt «3

M' disse...

Não acho que os homens são todos iguais x) eu acreditava nisso até este ano =b mas eu gosto dos teus textos, parabéns =)

Joanna ☮ disse...

Mais outro texto muito booooom e que adorei ! :D
Obrigada fofinhaa *.*

Maria disse...

olha adorei :) estou a seguir com orgulho*

MICƋELƋ disse...

Adoro, estou a segurir*
Segues o meu ? :$
http://www-micaela-alves.blogspot.com/

Joanna ☮ disse...

Obrigada :D
Este é um dos meus textos preferidos que escreveste (:
Vais dar a volta por cima, quem te merece realmente vai aparecer e serás mt feliz (:

Anna Munhoz disse...

Dá uma olhada no meu blogue, coloquei o endereço de uma rádio online, ainda muito prematura mas com excelentes músicas! Aceitam também discos pedidos, de todos os géneros de música.
Podes partilhar e inovar o teu gosto musical! Ajuda-os a crescer, obrigada :)

M' disse...

se pertencerem ao mesmo livro, será um chamado "os mil milhões de milhões das histórias de amor", porque, na superfície podem parecer todas iguais ou até típicas, mas lá no fundo? são únicas =)