12 de julho de 2010

é hora .

hoje sinto-me orgulhosa de mim , consegui dizer não a tudo que sinto , e passar por ti deixando rasto , mas sem uma única palavra .


posso partir , posso esquecer muitas coisas ,
mas a ferida vai ficar , e com ela
algumas recordaçoes .

4 comentários:

sofia disse...

as recordações ficam sempre meu amor (:

alexandrapinto disse...

adorei amor!

Sara Pereira disse...

que sincero e lindo !

Catarina disse...

não querida, é uma letra :O